Para uma lagarta persistente, sempre existirá um novo jardim!

segunda-feira, 27 de junho de 2016
Oh graciosa borboleta, quem imagina que tu fostes uma lagarta medonha e venenosa, já se passaram tanto ciclos de sua existência, e apesar de tantos julgamentos, ofensas, e grandes obstáculos, e dias sombrios que teve, você se manteve firme, acreditando que dias melhores viriam. 
 Dezoito primaveras se passaram e logo aquele futuro tão almejado, te encontrou e lhe deu um grande sorriso, com presentes adquiridos em tempos de enorme persistência, agora os seus atrativos  em uma nova fase, reluzem o quão você foi batalhadora e fiel aos seus princípios, e a maior certeza que você aprendeu, foi que apesar dos pesares sempre existe uma segunda chance para voar em novos jardins.
 Assim é a nossa vida com Deus, iniciamos como lagartas tentando adquirir forças sozinha, somos rejeitadas e julgadas pela grande maioria, por não compreenderem o nosso potencial divino, e quando as dificuldades parecem não cessar, o majestoso Criador, ouve o nosso socorro e somos transformados em livres borboletas que exalam sua beleza celestial do amor, por onde voam. 

Reprodução;Getty Images  
                                             Extraia o bom da vida, e tudo novo se fará!





0 comentários:

Postar um comentário

 
© Sonhos de natureza - junho/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo